777 Partners pode tomar decisão drástica sobre futuro do Everton

3 minutos de leitura

A 777 Partners, dona da SAF do Vasco, chegou a um acordo para adquirir 94,1% do Everton em setembro de 2023. Mas a oficialização ainda não veio. A empresa aguarda a regularização da Federação de Futebol Inglesa e da Premier League para finalizar a compra do clube inglês. E a demora pode fazer com que a companhia tome uma atitude drástica com relação às negociações.

Enquanto o acordo não é finalizado, a 777 Partners emprestou mais de 100 milhões de libras (por volta de 620 milhões de reais), com o objetivo dos Toffees cumprirem os compromissos financeiros, incluindo a folha de pagamento do clube e a construção do estádio Bramley Moore Dock.

Segundo o jornal “The Times”, a empresa norte-americana pode cortar o apoio que vem prestando ao clube caso as autoridades não definam a situação da aquisição nas próximas semanas. O site acrescenta que a 777 espera que o acordo seja concluído no período de sete semanas.

O grupo está otimista em receber a aprovação da Premier League e da Autoridade de Conduta Financeira antes do final de dezembro. Contudo, não estão planejando continuarem com os empréstimos depois de janeiro de 2024, caso as organizações não tomem uma decisão.

Ainda de acordo com informações da imprensa britânica, os custos do funcionamento do Everton estão em torno de 20 milhões de libras (124 milhões de reais) por mês a mais do que a receita regular.

777 everton goodison park
777 Partners está em processo de compra do EVerton (Foto: Icon Sport)

Everton enfrenta problemas financeiros

O Everton vem enfrentando diversos problemas financeiros e busca a recuperação tanto nas contas, como dentro de campo. O clube investiu na contratação de muitos jogadores, mas a campanha foi abaixo do esperado. Além disso, está construindo um novo estádio.

No último dia 17 de novembro, a Premier League decidiu pela punição aos Toffees, com a perda de dez pontos na competição. A equipe violou as regras financeiras da competição no período de três anos, tendo um prejuízo de mais de 124 milhões de libras (mais de 768 milhões de reais), quase 20 milhões a mais do permitido pela liga.

A equipe buscando a recuperação dentro de campo. Os comandados do técnico Sean Dyche chegaram a duas vitórias seguidas nessa quinta-feira (7) ao garantirem um 3 a 0 sobre o Newcastle no Goodison Park pela 15ª rodada da Premier League, saindo da zona de rebaixamento.

Gabriel Lemes
Gabriel Lemes

Me formei em Jornalismo pela Univap em 2019 e sou redator da PL Brasil. Já escrevi para o Quinto Quarto, Minha Torcida, Futebol na Veia e Portal Famosos.