Quando ouvimos a frase “o futebol é, por vezes, injusto“, nós geralmente associamos ao que acontece diretamente no campo. No entanto, o nosso querido e amado esporte é capaz de revelar cenas decepcionantes aos olhos dos apaixonados torcedores.

Veja mais:
Viaje neste mapa pelas cidades e estádios da Premier League!
Por que um bombardeio em Manchester fez com que United e City dividissem o mesmo estádio?
10 jogadores que passaram pelo Leicester que talvez você nem saiba

Semanas depois de declarar oficialmente seu “apoio incondicional” ao técnico Claudio Ranieri, a diretoria do Leicester demitiu o italiano, logo após a derrota do time para o Sevilla por 2 a 1, pelo jogo de ida das oitavas de final da Champions League.

Um treinador que deixou a sua carreira mediana aos 64 anos para ser protagonista de uma das histórias mais lindas e incríveis do futebol mundial. Um subestimado técnico que comandou um time de uma cidade pequena que nunca havia conquistado o campeonato ou a Copa da Inglaterra. Equipe esta formada por jogadores de pouco renome, mas com vibra e garra de sobra.

Depois de conquistar o quase-inacreditável título da Premier League, Ranieri foi o personagem mais sóbrio dos Foxes, colocando os pés no chão e reiterando que o principal objetivo do time a partir dali era se manter na primeira divisão.

Hoje, a realidade é que o Leicester luta contra o rebaixamento, como aconteceu na temporada anterior ao título. Não é bom cenário para o torcedor, sem dúvida. Mas descartar alguém que proporcionou-lhe a maior glória do seu clube – após tão pouco tempo – é cruel e repugnante.

Você não merecia ser tratado assim. Você ajudou a protagonizar um milagre que durou 38 rodadas. Ranieri, você merece mais que uma carta de agradecimento ou uma placa comemorativa. Você merece uma estátua!

Relembre esse ótimo texto de Claudio Ranieri quando o Leicester lutava rumo ao título da Premier League:

Este texto do Ranieri é a melhor coisa que você lerá hoje

Klopp: “Guardiola é excepcional”

SHARE
Ex-Esporte Interativo, formado em Jornalismo e Sociologia e apaixonado pela Premier League. Twitter: @pedrohnramos

LEAVE A REPLY