Foto: theguardian.com

Foram apenas os três primeiros jogos da fase de grupos da Champions League, com mais três antes da definição dos clubes que passarão às oitavas-de-final, mas já podemos destacar diversos aspectos dos times que disputam a competição européia. E os times da Premier League (Chelsea, Tottenham, Manchester City, Manchester United e Liverpool) não decepcionaram até aqui: são 15 jogos e nenhuma derrota, com os cinco clubes líderes de seus respectivos grupos.

Leia mais:

Apesar da competição estar na sua fase inicial, já tivemos grandes testes para os clubes ingleses, como o Tottenham empatando contra o atual campeão Real Madrid no Santiago Bernabéu e com o Chelsea encarando o Atlético de Madrid e Roma.

Foram 11 vitórias e quatro empates das 15 partidas disputadas pelos clubes ingleses até o momento, o que é um total de 70% de aproveitamento. Os quatro clubes representantes da La Liga na competição possuem um aproveitamento mediano, com seis vitórias, quatro empates e duas derrotas nas 12 partidas disputadas pelos espanhóis. Já os clubes da Bundesliga, que tem apenas três representantes, não fazem uma boa campanha na UCL: são três vitórias, dois empates e quatro derrotas em nove partidas disputadas. O Bayern de Munique inclusive já trocou de técnico e o Borussia Dortmund conquistou apenas um ponto, o que faz com que uma classificação seja muito improvável.

Mas ainda não é hora de comemorar, já que os clubes ingleses vêm de inconsistência na fase de eliminação, uma vez que a Premier League não possui pausa no inverno europeu, o que causa um excesso de partidas em um curto período de tempo. Mas há sim motivos para haver empolgação. Por exemplo, na última temporada, o Tottenham foi eliminado da competição sem sequer classificar para as oitavas-de-final, e dessa vez o time já é visto como azarado por não ter voltado da Espanha com uma vitória sobre o Real Madrid.

Caso os clubes da Premier League consigam manter suas posições nos grupos da Champions League, será realmente uma grande vitória para uma liga que teve apenas o Leicester City na fase de eliminação na última temporada, onde o clube chegou às quartas de final.

Por enquanto a situação é promissora e impressionante, e pode ficar ainda melhor. O fato da Inglaterra ter cinco clubes disputando a competição européia já é um fato impressionante por si só, mas o fato de que tais clubes estão estáveis e promissores a ponto de competirem pelo título é algo que nem o torcedor mais otimista poderia esperar.

LEAVE A REPLY