No capítulo que revolucionou a história do futebol inglês, 22 clubes deixaram a Football League, que até então organizava o Campeonato Inglês, em 1992, se juntaram e passaram a comandar eles mesmos a competição nacional. A Premier League completou 25 anos e agora contamos sete curiosidades sobre a sua primeira edição.

1 – Manchester United campeão (era apenas o 8º título inglês)

Manchester United 1993

Hoje, o Manchester United se orgulha de ser o maior campeão inglês, com 20 conquistas, mas na época o caneco representou o 8º de sua história, ainda muito atrás do Liverpool, que liderava o quesito. O título encerrou um jejum de 26 anos da última vez que os Red Devils foram campeões ingleses.

Veja mais:
Veja os novos uniformes dos clubes da Premier League!
Os melhores filmes sobre futebol inglês
Qual clube é o maior vencedor do Campeonato Inglês?

2 – Maiores goleadas: Blackburn 7×1 Norwich e Sheffield United 6×0 Tottenham

As duas maiores goleadas daquele ano foram impiedosas. O artilheiro Alan Shearer marcou duas vezes na humilhante goleada do Blackburn sobre o Norwich por 7 a 1. Jogando em casa, o Sheffield United atropelou o Tottenham por 6 a 0.

3 – Crystal Palace, Middlesbrough e Nottingham Forest rebaixados

brian clough nottingham forest retirement

Bicampeão europeu na década anterior, o Nottingham Forest não resistiu às vendas de Des Walker e Teddy Sheringham, que foi artilheiro da competição pelo Tottenham, e foi rebaixado à segunda divisão. O lendário técnico Brian Clough se aposentou na última rodada em uma despedida emocionante.

4 – Apenas UMA troca de técnico

ian porterfield

Isso mesmo que você leu: só um clube mudou de técnico durante toda a primeira edição da Premier League. O Chelsea demitiu Ian Porterfield em fevereiro de 1993, devido ao mau momento do time. Ex-jogador dos Blues, David Webb assumiu o comando da equipe.

Só houve outras mudanças de técnico após a última rodada ser disputada: Brian Clough se aposentou do Forest e Steve Coppell deixou o Palace.

5 – Menor público foi de 3.039 pessoas

Sucesso de público hoje, a Premier League nem sempre viu grandes e modernas arenas recebendo dezenas de milhares de torcedores a cada partida. No início da era Premier League, algumas equipes apresentavam dificuldades para encherem seus estádios, como era o caso do modesto Wimbledon.

O pior público da temporada foi entre o próprio Wimbledon e o Everton, que levaram um “público de Série B do Brasileirão” para o estádio: apenas 3.039 pessoas. Já falamos desse jogo aqui.

6 – Domínio da Umbro

A marca inglesa Umbro dominava completamente o mercado do futebol inglês, patrocinando 11 dos 22 clubes. Admiral (4), Ribero (3), Adidas (2), Brooks Running (1) e Asics (1) completam a lista. Nada de Nike por lá.

premier league first edition

7 – Surpresa no top 5

Os 5 primeiros colocados da primeira edição da Premier League vivem hoje um momento muito diferente em sua história, exceto pelo Manchester United. Além dos Red Devils, o top5 daquele ano foi composto por Aston Villa (2º), Norwich (3º), Blackburn (4º) e Queens Park Rangers (5º). O Liverpool foi 6º, o Tottenham 8º, o Manchester City ficou na 9ª posição, o Arsenal logo atrás, e o Chelsea em 11º. Surpreendente, não?

LEAVE A REPLY